Miguel Alcade Bridal Atelier | Esmeralda, a lenda verde
9314
post-template-default,single,single-post,postid-9314,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12,vc_responsive

Esmeralda, a lenda verde

Esmeralda, a lenda verde

Esmeralda – Capítulo 1

Dizem que um diamante a gente nunca esquece, mas eu confesso pra vocês que também jamais vou deixar de me lembrar das esmeraldas que Angelina Jolie ostentou no Oscar, em 2009. Divinamente, com um tomara que caia preto, ela desfilou invejáveis brincos de esmeraldas colombianas de 115 quilates, acompanhada de um anel incrivelmente verde. Simplesmente maravilhosa!!!

Foi um dos looks mais impactantes do Red Carpet até hoje na minha opinião e, desde então, eu passei a ver a gema preferida de Cleópatra como algo realmente muito especial para a mulher que deseja um destaque luxuoso e incontestável. Talvez seja por isso que praticamente todas as grifes de desejo não abrem mão do charme irresistível dessa pedra verde. De Cartier à Van Cleef, todas as joalherias de alto luxo mantém uma linha especial com joias de esmeraldas.

As esmeraldas são exploradas em minas egípcias, chamadas de “Minas de Cleópatra”, há mais de quatro mil anos. Segundo os egípcios, a gema simbolizava a vida e a fertilidade, representando a chegada da primavera nas margens do Nilo. Já na Grécia Antiga, a esmeralda era considerada um remédio para os males da vista, devido à sua cor calmante e suave. Há quem atribuísse a ela o poder de tornar as pessoas mais amorosas, inteligentes e falantes… Portanto, cuidado meninas! rsrsrs.

Seu nome deriva do latim “smaragdus”, que significa verde. Já a cor é derivada da presença de cromo, ferro e, em alguns casos, vanádio no berilo, um minério composto de silicato de berílio e alumínio, uma combinação onde as impurezas nas gemas são muito comuns. Esse grupo é composto também pela água marinha, a morganita, o heliodoro e o berilo vermelho. Resumindo… Só lindezas!

É uma das gemas mais caras e cobiçadas que existe no mundo. Em função da sua composição química, é muito raro encontrar esmeraldas sem inclusões e com lapidação perfeita. Aliás, essas pequenas manchas, chamadas de jardim de esmeralda, são uma mostra de que se trata de uma esmeralda verdadeira. Fica a dica para vocês que adoram essa poderosa pedra verde.

Beijo, beijo!

Miguel Alcade

 

 

 

 

Tags:

Sem Comentários

Deixar um comentário