Miguel Alcade Bridal Atelier | Tiara da coleção Orléans e Bragança vai à leilão
11041
post-template-default,single,single-post,postid-11041,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.7,vc_responsive

Tiara da coleção Orléans e Bragança vai à leilão

Tiara da coleção Orléans e Bragança vai à leilão

Não que eu seja obcecado por tiaras…rsrsr. Mas por onde eu ando me deparo sempre com notícias sobre esse maravilhoso objeto de desejo! E pelo que observo, as tiaras estão mesmo em alta no mundo todo. Agora, acabo de saber que uma das tiaras mais incríveis da joalheria será leiloada pela Christie’s, em Londres.

Trata-se de uma obra artística autêntica da Belle Époque, que pertenceu à princesa da Iugoslávia. Feita em platina e diamantes, a joia foi confeccionada em 1905 e faz parte da coleção dos príncipes de Orléans e Bragança. Além do belo desenho, a tiara ostenta diamantes em forma de pêra, pesando aproximadamente 8,50 quilates, e deverá ser vendida por um valor entre US $ 186.900 e US $ 280.350.

A joia pertenceu à princesa Louise de Orléans, avó materna do rei Juan Carlos da Espanha e acabou sendo herdada por Maria de la Esperanza de Bourbon-Duas Sicílias, que se tornou a princesa brasileira Orléans e Bragança, por seu casamento com dom Pedro Gastão. Posteriormente, a relíquia passou da princesa Maria de la Esperanza para sua filha, princesa Maria da Glória de Orléans e Bragança, quando ela se casou com o príncipe herdeiro Alexandre, tornando-se Princesa da Iugoslávia, em 1972.  Já em 1982, Maria da Glória vendeu a tiara em um leilão em St. Moritz.

Além dessa preciosidade, há também uma outra tiara de diamantes e esmeralda do final do século XIX, que também será leiloada. Segundo divulgado, esse lote está chamando a atenção de um número maior de pessoas. Eu acredito que seja em função da importância joalheira e histórica dessas peças, que resgatam uma parte importante do luxo que marcou a famosa essa “Bela Época”.

A Belle Époque foi um período de grande otimismo e paz, vivido pelas potências ocidentais, sobretudo as europeias, entre 1871 até 1914, quando eclodiu a Primeira Guerra Mundial. Não é por acaso, que o mundo alimenta uma saudável nostalgia desses bons tempos.

É como eu costumo dizer para as minhas clientes: uma tiara não é apenas uma joia. Ela é a prova viva dos lindos momentos de amor que marcam a história de cada mulher. E vocês, princesas, qual será a joia que entrará para a história de vocês??? Façam um lance, meninas!

Beijo, beijo!

Miguel Alcade

 

Tags:

No Comments

Leave a Comment