Miguel Alcade Bridal Atelier | As gemas mais caras de 2017
9914
post-template-default,single,single-post,postid-9914,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.7,vc_responsive

As gemas mais caras de 2017

As gemas mais caras de 2017

Podem falar o que quiser, mas 2017 foi um ano que teve o seu brilho! E bem precioso!!! Querem ver só? Foi um dos períodos mais movimentados na história dos leilões de joias, com recordes no valor arrecadado com a venda de algumas das mais espetaculares gemas do planeta!

São peças inacessíveis para 99% da população? São sim, mas isso não impede que a gente tome conhecimento, sonhe e se inspire. Afinal, é de desejos que se movimenta a vida! Eu acredito! E enquanto a gente aguarda a chegada de um ano novo brilhante e muito precioso, que tal conferir e babar no ranking das pedras mais caras do mundo? Vem comigo!

Diamante Pink Star

1 – O diamante Pink Star, vendido em leilão na Sotheby’s em Hong Kong, por US $ 71,2 milhões, tornou-se a pedra preciosa mais cara do mundo! O diamante rosa de 59.60 quilates é o maior diamante cor de rosa Fancy Vivid, classificado pela GIA.

 

 

Diamante Oppenheimer Blue

2 – O recorde anteriormente pertencia ao diamante Oppenheimer Blue, outra pedra com valor acima da média, arrematada por US $ 57,5 milhões em leilão da Christie’s, em Genebra. Rara, a pedra classificada como azul Fancy Vivid, de 14,62 quilates, pertenceu a uma das famílias mais influentes e poderosas que o mundo já conheceu, os Oppenheimers, que têm tradição em negociações com diamantes.

 

 

 

3 – O diamante Blue Moon

e Moonque pertencia ao colecionador particular Joseph Lau ,de Hong Kong, foi vendido por US $ 48,5 milhões  na Sotheby’s, em Genebra, em 2015.  Ele tem 12,03 quilates e apesar de não ser hoje a mais cara gema já vendida, ainda mantém o recorde de preço por quilate: US $ 4 milhões.

Sunrise Rubi

4 – O Sunrise Rubi, rubi natural da Birmânia leiloado em 2015, era de tamanho e peso impressionantes – 25.59 quilates, com uma cor atraente e de extrema pureza. A cor é conhecida poeticamente como vermelho sangue de pombo. A peça foi vendida por US$ 30,3 milhões e pertencia a uma coleção privada da Cartier.

Diamante Fancy Red

5 – Os diamantes vermelhos são os mais raros e só esse fato já fez crescer o valor do Fancy Red, gema de 2.09 quilates, com gema em forma de coração, que atingiu os US$ 3,4 milhões em leilão realizado em 2014.

Safira Blue Belle of Asia

6 – O “Blue Belle of Asia” – uma safira de 390 quilates -, foi vendido na Christie’s em 2014 por um preço que à época foi recorde mundial: mais de US$15 milhões.

Hope Spinel

7 – O Hope Spinel de 50,13 quilates chegou aos US $ 1,47 milhões quando leiloado pela Bonhams London Fine Jewellery, quebrando facilmente a estimativa de US $ 310 milhões. A joia, com uma gema de cor rara, foi atribuída às antigas minas Kuh-i-Lal, no Tajiquistão, onde foram encontrados alguns dos mais famosos espinéis antigos.

 

 

 

 

Diamante Graff Vivid Yellow

8 – Durante o leilão de joias Magnificent Jewels e Noble Jewels de Sotheby’s, o diamante “Graff Vivid Yellow”, de 100 quilates, foi arrematado por mais de US $ 16,3 milhões (preço, comissão e taxas de martelo).

 

Diamante The Orange

9 – Com 14,82 quilates, o “The Orange”, maior diamante de laranja vívido que já apareceu em leilão foi vendido por mais de US $ 35,5 milhões na Christie’s, em 2013. No relatório GIA, o diamante foi classificado como Fancy Vivid.

 

Esmeralda de Elizabeth Taylor

10 – Criada pela Bvlgari e usada pela atriz Elizabeth Taylor, a esmeralda mais cara do mundo veio da Colômbia. Com 23,46 quilates, ela foi vendida em 2011 por R$ 248,7 milhões pela Christie’s. A gema integrava um broche que pode ser acoplado a um colar de diamantes e outras esmeraldas.

 

 

No Comments

Leave a Comment