Miguel Alcade Bridal Atelier | Fatores que valorizam as pérolas
7924
post-template-default,single,single-post,postid-7924,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12,vc_responsive

Fatores que valorizam as pérolas

Fatores que valorizam as pérolas

Pérolas – Capítulo 5

Meninas, já falamos em outro post dessa série especial que nenhuma pérola é igual a outra e que, a depender das características que elas apresentam, podem ter mais ou menos valor de mercado. Vocês já devem ter se deparado com colares de pérolas parecidos, mas com preços diferentes, não é mesmo, minhas rainhas? Eu preparei esse artigo justamente para vocês entenderem um pouco mais quais fatores realmente valorizam essas gemas tão especiais e significativas para a beleza das mulheres.

No total, são sete fatores que interferem significativamente no valor das pérolas. São eles: camada de material perlífero, formato, irregularidades, brilho, oriente, tamanho e cor. A espessura mais grossa da camada perlífera é fundamental para a qualidade da pérola, pois camadas mais finas descascam com facilidade, ou seja, a durabilidade da joia é maior com pérolas que possuem camadas mais grossas de material perlífero.

Outro aspecto importante é o formato. Afinal, o que mais desejamos são as pérolas mais esféricas, lisinhas, sem saliências ou depressões na superfície da pérola, não é mesmo? Por isso é importante que elas não apresentem irregularidades: o brilho proveniente da joia está diretamente relacionado com a reflexão da luz em sua superfície. Ou seja, quanto mais lisa e sem irregularidades, maior o brilho e mais valiosa a pérola.

Já o oriente funciona como um efeito da luz refletida e refratada internamente, vindo do interior da pérola, sobre as finas camadas de aragonita. Pérolas com um bom oriente são as que apresentam valores maiores. Os tamanhos das pérolas são diversos e, obviamente, as maiores são de valor mais elevado. As de tamanho acima de 9 mm são mais raras e, por conta disso, o valor aumenta em proporções cada vez maiores, podendo uma pérola atingir preços exorbitantes (imagine uma pérola do tamanho de um ovo de pomba?!).

Por fim, não podemos deixar de comentar sobre as diversas tonalidades de pérolas. As brancas, rosadas, prateadas e negras são as mais procuradas, mas são comercializadas pérolas em todos os tons existentes. A depender do país comercializado apresenta mais ou menos aceitação e valor, ou seja, o fator cor é relativo. O importante, no caso, é que as joias apresentem pérolas semelhantes, tanto em cor quanto em oriente e tamanho. Isso deixa a peça mais harmoniosa e bonita.

Beijo, beijo,

Miguel Alcade

Tags:

Sem Comentários

Deixar um comentário