Miguel Alcade | Laços… Paixão e simbologias
637
post-template-default,single,single-post,postid-637,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12,vc_responsive

Laços… Paixão e simbologias

Laços… Paixão e simbologias

 

Quem me acompanha sabe que sou fascinado por laços e, inspirado nessa paixão, criei uma coleção exclusiva, chamada “Laços de Santo Antônio”. Como muita gente me pergunta de onde vem essa fixação, achei oportuno compartilhar com vocês as simbologias e o significa desse símbolo tão querido pelas noivas.

Os laços me fascinam por sua forma delicada feminina e suave, e também por sua simbologia, que considero muito especial, principalmente para quem está em vias de dizer o tão sonhado sim! Eles associados com as ações de “atar” e “desatar”, simbolizando a união, seja ela matrimonial ou simplesmente afetiva.

Há uma frase muito famosa, do poeta Mario Quintana que expressa muito bem essa simbologia: “O amor é isso. Não prende, não aperta, não sufoca. Porque quando vira nó, já deixou de ser laço”. Lindo, não é mesmo? É o que sempre desejamos do nosso parceiro de alma, que nos ame, mas não nos aprisione, que seja companheiro, sem jamais abafar a nossa estrela.

Existem também outros sentido para os laços que gosto muito. No Budismo, eles são chamados de “nós da fortuna”. Em paralelo à “Ouroboros” (a serpente que engole a própria cauda), o laço volta-se para si mesmo, representando a sabedoria conquistada por meio da evolução espiritual.

Já na Maçonaria, o símbolo é considerado o “laço da união”, mas não no sentido da união amorosa, mas sim do homem com o universo. Remete aos deveres que temos em nossa vida, como o compromisso de sempre buscar a elevação espiritual.

Na Grécia antiga havia o costume de atar as imagens dos deuses com um lacinho, para que eles permanecessem ali os protegendo. Já no Antigo Egito, o laço era conhecido como “Nó de Ísis”, a Deusa da Fertilidade e da Maternidade, filha de Hórus, que simbolizava a eternidade. Para eles representava a união entre os deuses e os homens, o céu e a terra. No Cristianismo, os lacinhos ganharam uma representação mais espiritual.  Eram usados nas roupas para lembrar os fiéis de três votos: a obediência, a pobreza e a castidade.

ma

 

 

4Comentários
  • Marina Estrela/ 30.08.2014Responder

    Boa tarde
    Em primeiro lugar, parabéns pelo excelente trabalho! Adoro as tuas peças!!!
    “Namoro” as fotos destes laços ha algum tempo na internet…
    Vou casar em 18/10/14 e gostaria de saber se vc aluga e/ou vende, e qual seria o valor!?
    Aguardo o retorno
    Marina

  • Gabriela/ 04.12.2014Responder

    Gostaria de ter imformacoes sobre o laço de sabto antonio na cor prata.
    Obrigada

  • Bernadete/ 07.04.2015Responder

    Bom dia
    Gostaria de saber o valor dos primeiro laço.Aluguel e/ou venda? Minha filha casa-se em agosto e acho que cairia muito bem na sua proposta de vestido.
    Pela atenção antecipamento agradeço
    att
    Bernadete

  • Milene Turner/ 21.07.2016Responder

    Olá! Gostaria de saber o preço do segundo laço, caso em novembro e não acho nada parecido em nenhum lugar!!! Amei esse!!! 😉
    Contato Whats (11)9799-8807

Deixar um comentário