Miguel Alcade | Ouro Rosé conquista o universo bridal
7520
post-template-default,single,single-post,postid-7520,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12,vc_responsive

Ouro Rosé conquista o universo bridal

Ouro Rosé conquista o universo bridal

Uma tendência suave que tem feito sucesso entre as noivinhas mais ousadas e que buscam se diferenciar é o domínio do ouro rosê nas joias. Na Europa essa onda está cada vez mais presente em brincos, pulseiras e até nas alianças e anéis de compromisso. Por aqui o metal rosadinho, depois de cobrir notebooks, celulares e objetivos de decoração, tem sido uma opção requintada especialmente para as noivinhas ousadas e que adoram uma boa novidade com pegada vintage. Para quem é fã do ouro rosê, vale saber mais sobre o metal:

1) O ouro rosé é composto, basicamente, de 75% ouro 24k e 25% de ligas avermelhadas (geralmente cobre), responsável pelo tom rosado em sua composição.

2) Durante os anos 20 o ouro rosé era tendência absoluta e foi a estrela principal em presilhas, brincos, pentes e alianças. Para quem ama um charme vintage, o ouro rosé é a medida certa de elegância retrô.

3) Versatilidade. Uma joia em ouro rosé é extremamente fácil de harmonizar, já que fica bem tanto com ouro amarelo quanto com ouro branco. Além de combinar com as gemas preciosas sem esforço. Perfeito para quem deseja uma joia única, versátil e com o requintado perfume dos anos 20.

 

 

Sem Comentários

Deixar um comentário